(21) 2215-0608
Rua da Quitanda, 30 - Sala 502
Centro - Rio de Janeiro - RJ
 

Dicas

- Nós de Gravatas

-> FOUR IN HAND

Também conhecido como Simples ou Esportivo. Possui um visual mais descontraído. É utilizado para colarinho mais estreitos e golas pouco pontudas.


1 - Deixe a ponta fina mais curta que a ponta grossa e passe uma por cima da outra, cruzando. (Fique atento ao comprimento no inicio do nó, pois ele te auxiliará na definição do tamanho da gravata no seu corpo)


2 - Com a ponta grossa, dê uma volta por trás da ponta fina.


3 - Continue sua volta, agora pela frente, como se estivesse cobrindo o nó.


4 - Dando um looping entre a gravata e o colarinho, passe a ponta mais grossa por trás.


5 - Agora, dentro da volta que fez para cobrir o nó da gravata, envie a ponta mais grossa.


6 - Utilizando as duas mãos dê uma ajeitadinha e puxe-o até o colarinho. Está pronto o seu Four in Hand!

Se o seu nó não ficar 100%, não desanime, as primeiras tentativas são um pouco complicadas. Mas com um pouco de treino ficará ótimo.

-> HALF WINDSOR

Também conhecido como nó de gravata Duplo ou Semi-clássico. Indicado para as camisas de colarinho padrão, nem largo nem estreito. É um nó adequado para gravatas de seda estampada ou de outro tecido leve como o poliester estampado.


1 - Deixe a ponta fina mais curta que a ponta grossa e passe uma por cima da outra, cruzando. (Fique atento ao comprimento no inicio do nó, pois ele te auxiliará na definição do tamanho da gravata no seu corpo)


2 - Com a ponta grossa, dê uma volta por trás da ponta fina.


3 - Suba a ponta grossa.


4 - Envie por trás, entre o colarinho e a gravata, enrolando o lado direito(mais grosso) da gravata.


5 - Dê uma volta de sua esquerda para direita, como se estivesse cobrindo todo o nó.


6 - Passe-o novamente por baixo(como um looping), passando entre o colarinho e a gravata.


7 - Agora, dentro da volta que fez para cobrir o nó da gravata, envie a ponta mais grossa.


8 - Utilizando as duas mãos dê uma ajeitadinha e puxe-o até o colarinho. Está pronto o seu Half Windsor!

Não desanime se ele não ficar 100%, as primeiras vezes são um pouco complicadas. Mas com um pouco de treino ficará ótimo.

-> WINDSOR

Também conhecido como Clássico ou Windsor. É o nó mais "gordinho" de todos. Utilizado em camisas com colarinhos largos, onde a distância entre as duas pontas é grande ou ainda em gravatas de tecidos mais leves.

1 - Deixe a ponta fina mais curta que a ponta grossa e passe uma por cima da outra, cruzando. (Fique atento ao comprimento no inicio do nó, pois ele te auxiliará na definição do tamanho da gravata no seu corpo)

2 - Passe a ponta mais grossa por trás da mais fina e depois passe pela frente como se estivesse enrolando(dando um looping) o seu lado direito(que é a parte mais fina).

3 - Passe agora a ponta grossa por trás, enviando por dentro do colarinho e enrolando desta vez sua lateral esquerda(que é a parte mais grossa).

4 - Dê uma volta de sua esquerda para direita, como se estivesse cobrindo todo o nó.

5 - Passe-o novamente por baixo(como um looping), passando entre o colarinho e a gravata.

6 - Agora, dentro da volta que fez para cobrir o nó da gravata, envie a ponta mais grossa.


7 - Utilizando as duas mãos dê uma ajeitadinha e puxe-o até o colarinho. Está pronto o seu Windsor! 

Se o seu nó não ficar 100%, não desanime, as primeiras tentativas são um pouco complicadas. Mas com um pouco de treino ficará ótimo.

- Topo

- Moda

Recebeu o convite de um evento e não sabe que roupa usar?

- Passeio Completo ou Social: Um traje mais formal, para mostrar aos seus anfitriões que se sente honrado pelo convite. Use terno ou costume de cor única, preferencialmente escura com camisa social sem botões externos no colarinho e gravata discreta. Mantenha o paletó abotoado, deixando apenas o ultimo botão aberto. Prefira os cintos de couro mais estreitos e sapatos de cadarço.

- Passeio, Esporte Fino, Tenue de Ville ou Recepção: Mais sofisticado que o esportivo e menos que o social - (Tenue de Ville significa roupa para cidade). Geralmente utilizado em vernissages, teatros, conferências e outros eventos que tenham início no final da tarde. Use costume (Blazer) de preferência, mas utilize uma camisa mais esportiva e informal.

- Esporte: Mais casual e simples. Comum em almoços e encontros informais com amigos e família. Nada de usar roupas para prática de esportes - shorts, regata, bermuda de lycra, deixe tudo para usar na academia e no futebol com os amigos. Use calças de brim, gabardine, sarja e até mesmo jeans com camiseta tipo pólo ou camisa básica esporte. Se o clima pedir, utilize um kaban? para se aquecer.

- Traje Black-Tie, Tenue de Soirée ou Rigor: Uma noite de gala! Prepare o clássico smoking, com uma bela camisa branca e gravata borboleta. Caso o evento seja durante o dia (quente) utilize smoking com paletó branco (Summer). Nos casamentos mais requintados o noivo e os padrinhos podem usar também o fraque ou meio-fraque. Nos casamentos a rigor o noivo pode vestir a casaca, mais só em acontecimentos muito refinados.

- Como combinar gravata, camisa e paletó?
O mais importante é valorizarmos todas as peças do conjunto paletó, camisa e gravata. Para isso utilize tons diferentes uns dos outros (mais claros, mais escuros) e de preferência com um toque de outra tonalidade. Evite: Terno preto, camisa preta e gravata preta que fará com que todas as peças se tornem uma só, desvalorizando-as.
- Você sabe a que altura deve utilizar a gravata?
É muito importante ao finalizar o nó olhar para a ponta da gravata e verificar que sua ponta está na altura da fivela do cinto ou na altura do cós da calça.

- Você sabia que uma gravata pode influenciar na primeira impressão de uma pessoa?
É verdade. Em determinadas situações, evite gravatas muito coloridas e estampadas, prefira as clássicas e de cores únicas, pois isto ajuda a passar uma imagem de credibilidade, equilíbrio e elegância.
Ao escolher uma gravata não se prenda ao velho “tom sobre tom”, expresse sua personalidade, crie o seu estilo e use aquilo que gosta.

- Topo

- Qualidade

Se perguntarmos a um especialista, provavelmente ele dirá que as melhores gravatas são as de seda pura e preferencialmente produzidas na Itália. São as mais caras. Mas com o desenvolvimento de tecidos mais modernos e com custo menor, podemos adquirir produtos do mundo todo, com a mais alta qualidade e extrema beleza.

A Casa das Gravatas produz suas gravatas com várias opções de tecidos, possibilitando ao seu cliente escolher aquela que mais lhe agrada entre uma grande variedade de modelos e cores.

Por que a seda é tão especial?

A seda é produzida a partir de um processo progressivo de estratificação de um fio muito fino produzido pelo bicho-da-seda. Este fio tem a finalidade de proteger a própria larva das condições climáticas adversas.
Por estas propriedades é que o prazer incomparável da Seda sobre a pele é alcançado: o brilho, a textura, o caimento, o frescor no verão e o calor no inverno.

- Topo